5 Principais Estratégias de Marketing Digital para Vender Mais
Escolha uma Página

ATENÇÃO: Conteúdo desenvolvido para empresários #fazedores, #inovadores e #transformadores.

 

Se você realmente se conecta com essas hashtags, bora lá e #vamoqvamo!

 

Quais são as estratégias de marketing digital para o seu negócio vender mais na internet?

 

Toda estratégia é um processo! É difícil pisar no último degrau direto, tem que subir degrau por degrau até chegar no topo.

 

Claro que todo mundo quer começar e logo a bombar no Youtube, no Face e no Insta do dia pra noite porém, isso é bem improvável.

 

E é a mesma coisa com as estratégias de marketing digital, cada negócio tem o seu tempo.

 

Entenda isso! Não adianta querer atropelar etapas porque vai dar ruim, vai se desequilibrar e vai ser um tombo feio.

 

Com base nas Lives (26, 27, 28, 29 e 30) do Youtube, disponíveis na biblioteca do Treinamento Marketing AO VIVO, e uma montoeira de perguntas sobre essas estratégias de marketing digital, eu resolvi fazer um artigo completo com os pontos mais importantes.

 

Nesse artigo vou te apresentar o que eu chamo de Máquina de Venda que é o conjunto das 5 estratégias de marketing digital que todo negócio deve investir com certeza:

 

  • Aquisição (captar novos públicos);
  • Ativação (vender mais para o mesmo cliente);
  • Indicação (clientes indicando novos clientes);
  • Retenção (manter os seus clientes);
  • Otimização (estratégias pra melhorar tudo).

 

Vamos falar mais de todas essas estratégias de marketing digital na sequência. 

 

Atenção nos principais pontos que você precisa saber.

 

ESTRATÉGIAS DE MARKETING DIGITAL

5 Estratégias de Marketing Digital

Seguinte… esse não é um artigo de tutorial, de clique aqui ou clica lá.

 

 Vai ser um artigo de muita estratégia! Eu fiz até uma pesquisa no meu stories sobre isso, se preferem tutorial e conteúdo prático ou estratégia e a maioria esmagadora votou estratégia.

 

Eu achei que iriam votar mais no conteúdo prático, mão na massa e nada, estratégico venceu.

 

Mas é o que eu falo… esse tipo de conteúdo prático tu encontra no help de cada plataforma. Inclusive a Central de Ajuda do Facebook Business é fantástica. Aprendi e ainda aprendo muito na central de ajuda.

 

Eu já li e reli várias vezes e sempre que tenho alguma dúvida eu corro lá primeiro. Se eu falho em encontrar eu peço ajuda dos “universitários”, nos grupos e dos mestres… Aconselho sempre ter alguém para tirar dúvidas estratégicas e operacionais!

 

Vamos lá: se eu falo de estratégias de marketing digital que você deve investir, basicamente eu to falando de campanhas online.

 

O que eu faço todo dia é o que você deve começar a fazer todo dia pro seu negócio!

 

Se ainda não faz, melhor começar. Campanhas online, é o negócio para todo negócio.

 

Vamos falar rapidinho de Funil de Campanha Online, porque quando falamos de funil temos que entender o Topo o Meio e o Fundo do Funil.

 

FUNIL DE CAMPANHA

Funil de Campanhas

O conceito já é bem batido porém, funciona e vale reforçar:

 

  • TOPO – Campanhas de Alcance (Apresentação);
  • MEIO – Campanhas de Envolvimento (Geração de Valor);
  • FUNDO – Campanhas de Conversão (Oferta). 

 

TOPO DO FUNIL

 

No topo do funil temos as Campanhas de Alcance/Apresentação que indico utilizar para abordar os Públicos Frios – Públicos de Interesses (Salvo) e Semelhantes (Lookalike) – que é toda galera que nunca te viu na vida, nunca interagiu com a sua marca, total desconhecido, NOVO!

 

Quando o seu objetivo principal é aparecer para o maior número de pessoas que o seu orçamento permitir.

 

MEIO DO FUNIL

 

No meio do funil temos as Campanhas de Envolvimento/Consideração que vamos investir nos Públicos Quentes – Públicos Personalizados – ou esquentar um Público Frio.

 

Toda aquela galera que já teve um contato com o teu negócio mas ainda não é teu cliente.

 

Muitas vezes ele já viu um vídeo, já deu um like, tá te seguindo, visitou teu site (precisa do Pixel instalado no site), se cadastrou em uma live, enviou mensagem, instalou o seu aplicativo, participou de um evento online ou até mesmo faz parte da tuas listas de clientes (e-mails e telefones).

 

Isso é uma galera de morno a quente. É o pessoal que já teve alguma interação com o teu negócio de alguma forma on-line e até mesmo off-line.

 

Quando o seu objetivo é solicitar alguma ação por algo em troca, gerar valor, tirar dúvidas, contar histórias, quebrar objeções e se relacionar de alguma forma com o público.

 

Essa é a etapa que você mais precisa investir e principalmente inovar.

 

FUNDO DO FUNIL

 

Aqui é oferta, aqui eu to falando com público super quente

 

No fundo do funil temos as Campanhas de Conversão que indico somente para um Público Super Quente!

 

Porque eu “geralmente” deixo de ofertar em um público frio? Simples: se você é um desconhecido pra ele, ele vai desvalorizar o teu negócio.

 

Pode oferecer algo mesmo com preço baixo, se o cliente não vê valor, ele não vai comprar.

 

Oferte pra quem deseja comprar o teu negócio, teu produto, que está procurando teu serviço no Google, que já te conhece e principalmente… quem  já gerou muito valor e sabe que tu tem a solução ideal.

 

É aquela galera que tá levantando a mão e querendo ser atendida ou aquela galera que já comprou.

 

Os clientes são os públicos mais quentes de todos, porque eles já pagaram, já contrataram e já tiveram o benefício do teu negócio.

 

Por exemplo: eu tenho um vídeo sobre as 3 etapas do sucesso (analisar, desenvolver e otimizar) rodando, e eu to colocando tráfego nele, patrocinando ele todos os dias.

 

Por que? Porque é um vídeo de quase 6 minutos que muita gente tá assistindo, e eu consigo saber quem tá assistindo 25%, 50%, 75% ou 95% do vídeo e com isso consigo criar um público super qualificado.

 

A pessoa que assistiu 10 segundos do vídeo ele é um público super frio. Uma pessoa que assistiu 25% já é um público morno, 50% quente, 75% ou mais já considero super quente (isso vai depender da duração do vídeo).

 

Públicos super quente fazem parte da tua lista de clientes, envolvimentos nas redes sociais, visitantes do site e leads capturados. 

 

E é aqui, no fundo de funil, que estão as estratégias e campanhas com objetivo de oferta e venda.

 

Quando você desejar vendas é aqui que o negócio acontece!

 

Entenda isso! É o básico de toda estratégia de marketing digital e você precisa respeitar o Funil de Campanha.

 

Nas minhas lives sempre falo sobre isso: Alcance, Envolvimento, Conversão, Público Frio e Público Quente. Isso são conceitos básicos que tu precisa entender e aplicar.

 

  • TOPO: Campanhas de Apresentação;
  • MEIO: Campanhas de Envolvimento;
  • FUNDO: Campanhas de Conversão.

 

Então bora lá: no alcance a gente se apresenta, no envolvimento a gente se relaciona (gera valor) e na conversão a gente oferece algo ou alguma coisa.

 

Se tudo for bem feito, no final, você vai fechar mais venda!

Todas as 5 estratégia de marketing digital (Aquisição, Ativação, Indicação, Retenção e Otimização) que serão apresentadas nesse artigo precisam respeitar o Funil de Campanha.

 

A estratégia de Otimização eu vou falar por último, mas entenda o seguinte: ela deve ser aplicada em todas as etapas.

 

É como se fosse a estratégia das estratégias. Tenho que otimizar meu topo, meio e fundo de funil. Tenho que otimizar também as estratégias Aquisição, Ativação, Indicação e Retenção. 

 

Isso inclui tudo, até a sua apresentação por exemplo (tornar ela mais objetiva e assertiva) e então realmente conseguir se comunicar bem com o seu público.

 

Precisa otimizar o teu relacionamento e aí sim depois pensar na otimização da oferta, tudo é processo e vai passar pelo teu funil.

 

Não basta publicar aquela coisinha meia boca, tem que ser algo que gere valor pro público. A oferta jamais pode ser  meia boca, tem que ser uma top e matadora! Que realmente chame a atenção do público e converta.

 

Confira mais detalhes sobre as 5 principais estratégias de marketing digital: Aquisição, Ativação, Indicação, Retenção e Otimização.

 

ESTRATÉGIAS DE AQUISIÇÃO

Estratégias de Aquisição

Nada mais é do que ir atrás de uma nova audiência. Quando tu quer novos públicos novos contatos, novos clientes é isso que tu precisa.

 

E o que você precisa pra isso? Estratégias de Aquisição.

 

Me responde uma coisa… Quando tu conhece uma pessoa pela primeira vez o que você deve fazer primeiro?

.

.

.

.

.

.

Você deve se apresentar! Simples assim! Precisa apresentar o seu negócio, produtos, serviços e diferenciais.

 

Como eu faço: “Salve salve aqui é Daniel da Coelho Marketing e se você quer saber como como alcançar, envolver e converter 3x ou mais oportunidades para o seu negócio anunciando nas redes sociais, siga @coelhomarketing!”

 

Isso é a primeira coisa que você deve fazer! Se apresentar, deixar o teu contato, teu site, redes sociais, região de atendimento e é isso.

 

Nada de vender nessa etapa! Aqui o objetivo é se apresentar para um público novo.

 

Alguns me perguntam: “Posso vender na aquisição?” E eu digo: pode! Mas é um momento desfavorável, porque a gente tá pegando o público novo, que não te conhece.

 

Não é o melhor momento, mas dependendo do negócio pode dar bom, tudo é teste.

 

Evite chegar pedindo ou vendendo alguma coisa pra alguém que te desconhece! Então a primeira coisa: APRESENTAÇÃO.

 

Existem diversos formatos de apresentação: vídeo, um stories, posts, lives… você pode mostrar o escritório, contar tua jornada, falar das especialidades e diferenciais, pontos de contatos…

 

SE APRESENTAR PARA NOVOS PÚBLICOS

 

Indicada para testar e validar novos públicos (públicos frios) uma boa Estratégia de Aquisição possui vários elementos de campanha e na minha opinião o simples é o que funciona.

 

Saiba que um post pode ser um criativo de uma campanha online. Basta ter um bom alinhamento com a estratégia.

 

Criativo é tudo que aparece para o teu público como um post ou anúncio (vídeos, imagens, textos, títulos, link e botão).

 

Grave um vídeo ou tire uma foto se apresentando, apresentando o serviço ou o seu produto (coisa rápida, sem contar história e sim de uma breve apresentação). 

 

Exemplo: Essa é minha linha de produtos XYZ, ela ajuda nisso, nisso e nisso, se você tá precisando deixo aqui meu contato!

 

É só na intenção de mostrar que tu existe, avisar no bairro que o seu negócio abriu. De vez em quando o cliente nem sabia que tu podia resolver aquele problema, ou ele nem sabia que tinha aquele problema.

 

Aqui a ideia é ser simples, nada de superprodução. Como tu se apresenta pra qualquer pessoa, seja realmente você.

 

Ah Daniel, mas eu não vou patrocinar/impulsionar meus posts. Preciso fazer conteúdo de apresentação?

 

Sim! Sempre tem gente nova chegando nas suas redes. Elas serão impactadas pela postagem, vão compartilhar com outras pessoas que te desconhece, e assim o teu negócio continua crescendo.

 

Tem que ter apresentação mesmo se desconsiderar patrocínio/impulsionamento, coloca no teu cronograma de postagens.

 

Públicos de Interesses ou Semelhantes são públicos que nunca viram o teu negócio. Precisa se apresentar antes de pedir algo a eles.

 

DICA: Nas imagens para anúncios no Facebook/Instagram lembre da regra dos 20%.

 

Sem panfleto de supermercado e tentar vender na imagem, cheia de texto.

 

O teu criativo não pode ter mais do que 20% de texto na área da imagem, incluindo logotipos, frases ou qualquer texto (existem exceções – consultar central de ajuda). 

 

Em vídeos (que na minha opinião é o ouro) além da regra dos 20% se aplicar na imagem de miniatura/imagem de capa do vídeo, também tem que cuidar com os formatos.

 

Temos o formato horizontal (Facebook, YouTube e LinkedIn), o vertical (Stories, IGTV e TikTok) e também existe o quadrado do Instagram (também serve pro Facebook e LinkedIn).

 

A imagem/miniatura só serve pra uma coisa: CHAMAR ATENÇÃO!

 

É pra fazer a pessoa que tá ali deslizando na timeline parar. E aí no texto ou no vídeo você vai explicar teu negócio, contar a tua história, se apresentar.

 

Essa história de “textão ninguém lê” é mentira.

 

Se o livro for bom eu vou ler, se é ruim eu largo, simples assim! Mesma coisa com vídeo e também posts, se o conteúdo é bom e conecta, eu vou ler, vou assistir, independente o tempo/tamanho. 

 

[Depois] Confere neste link um vídeo no IGTV que passo 5 dicas para gravar vídeos com melhor qualidade.

 

DICA: Não faça aqueles vídeos/posts tentando vender o seu negócio ou um vídeo “institucional” chato que somente o dono da empresa gosta de assistir.

 

Apresente o seu negócio como realmente você se apresentaria para uma nova pessoa, falando sobre os benefícios e como o teu negócio pode ajudar.

 

ESTRATÉGIAS DE ATIVAÇÃO

Estratégias de Ativação

É gerar mais vendas para os seus clientes, suas listas e seguidores.

 

Você sabia que é até 5x mais barato vender pra um cliente da sua base do que pra um novo cliente?

 

Geralmente é mais barato eu botar uma campanha de conversão direcionado a um público super quente que já é meu cliente do que colocar uma campanha de conversão pra um público super frio.

 

Com um público super frio eu vou gastar muito dinheiro na campanha e talvez eu nem tenha resultados. Já com público super quente provavelmente eu vou vender muito bem. 

 

Então essa é a dica pra fazer a segunda, terceira ou décima venda pro mesmo cliente. Foque nos públicos quentes! 

 

VENDER PARA CLIENTES ANTIGOS

 

Uma Estratégia de Ativação é isso, pegar a lista de leads, contatos e clientes e vender pra essa galera.

 

Eles estão aquecidos, já te conhecem, já experimentaram o seu negócio. Quem tá conectado contigo é quem tá mais quente e entende melhor os teus valores.

 

Tem uma probabilidade muito maior de comprar o teu produto mais uma vez do que a galera que nunca te viu na vida comprar pela primeira vez.

 

Então, basicamente uma estratégia de ativação é isso: pegar a base de clientes, leads, contatos e vender pra ela! Se você possui clientes precisa ter uma estratégia de ativação.

 

“Ah Daniel… eu tenho apenas 1 produto/serviço, ele não vai comprar novamente.”

 

Simples… crie novos produtos/serviço para oferecer. Vender é ofertar! Quem oferta, vende!

 

Venda acontece por relacionamento e oferta, lembrando que ofertar é uma coisa e fazer promoção é outra! Entenda essa diferença, ofertar é oferecer.

 

Promover é diferente de fazer promoção! Quando eu falo “promova o seu negócio” o cara acha que tem que ir lá e fazer 50% de desconto e não é isso! 

 

Promover é divulgar, mostrar, oportunizar o teu negócio pro público.

 

“Ah! Tô sem lista de cliente porque acabei de abrir meu negócio.”

 

Beleza! Mas tu tem uma lista de pessoas conhecidas que podem precisar do teu negócio!? Não!? Comece a criar uma!

 

Se tá deixando de ofertar tá deixando dinheiro na mesa!

 

Porque a galera se enrola e conta um monte de história quando quer vender? Porque desrespeita o Topo, Meio e Fundo do funil, porque quer vender pra desconhecidos.

 

Agora tem uma estratégia de marketing digital bem definida e respeitar as etapas do funil e os públicos, na hora que chegar a oferta ela funciona! Simples assim!

 

Entenda isso: Topo (Apresentar), Meio (Envolver) e Fundo (Converter)!

 

No Topo tem que colocar muita gente, depois se envolver com quem avançar no funil e aí sim tu vai conseguir converter uma parte e gerar vendas. 

 

Conversão e oferta são diferentes de venda! Não é porque eu converti alguém que eu vou conseguir vender.

 

Mas eu posso pegar esses Leads (possíveis oportunidades) e tentar vender na sequência.

 

Isso quer dizer que é insuficiente colocar uma oferta no ar e sair vendendo! Marketing e venda são 2 coisas bem diferentes mas que andam sempre juntas.

 

O marketing é o processo de chamar atenção do teu público, já a venda é o processo de fechar negócio com o teu público.

 

No marketing digital a gente utiliza as redes sociais e as ferramentas digitais na intenção de chamar atenção desse público e trazer ele pro teu processo de venda, que pode ser uma vídeo chamada, uma reunião presencial, visita na loja ou página de venda do teu e-commerce

 

Chamou a atenção e conseguiu levar pro e-commerce, aí sim o visitante vai entrar no teu processo de venda que é o que? O carrinho/checkout do teu e-commerce!

 

Onde preenchemos o nome, endereço, cartão de crédito etc. Isso é processo de venda.  Tudo antes é processo de marketing.

 

ESTRATÉGIAS DE INDICAÇÃO

Estratégias de Indicação

O Marketing de Indicação (marketing de referência, referral marketing) nada mais é que o bom e velho indique e ganhe! E funciona muuito bem!

 

Indique X amigos e ganhe alguma coisa. Pode ser:

 

  • uma batata grátis;
  • um drink da sua escolha;
  • uma sobremesa;
  • frete grátis;
  • 30 dias de garantia estendida;
  • 20% de desconto na próxima compra…

 

Se tu tá deixando de fazer isso pro teu negócio, com certeza tá perdendo muito dinheiro.

 

Só se teu negócio abriu hoje e tá sem cliente nenhum, aí fica meio difícil, mas se tem família e amigos, pede pra todo mundo! Pede, não fica esperando por eles!

 

Ah o fulano é meu amigo há tanto tempo, bem que ele podia me indicar“.

 

Sem essa! Chega e pede pra pessoa te indicar, simples assim. Deve ter alguém nesse teu WhatsApp ou em algum grupo que você pode pedir indicação.

 

Não precisa de tecnologias, software, nada.

 

Tu entregou o teu produto/serviço e o cliente ficou feliz (porque fez um bom negócio), esse é o momento certo de pedir uma indicação!

 

DICA DE OURO: Quer ter sucesso na sua Estratégia de Indicação? Utilize o sistema de ganha ganha (ganha quem indica e ganha o indicado).

 

Exemplo: Se eu tenho uma empresa de festa infantil, acabei de fazer a festa e a mãe tá bem feliz com a alegria da criança. Chega pra ela e fala: Se você indicar alguém, que fechar com a gente, essa pessoa ganha 10% de desconto na 1a festa! E além disso você ainda ganha 30% na próxima festa!

 

Isso você pode fazer/controlar com 2 ferramentas muito inovadoras: o papel e a caneta. É tudo que tu precisa pra fazer uma Estratégia de Indicação acontecer.

 

“Ah mas eu tenho uma base com mais de 10 mil clientes.”

 

Beleza! Tu vai precisar profissionalizar (automatizar) a tua estratégia.

 

Para executar uma estratégia de indicação no digital você vai precisar de uma página de oferta e informação com formulário de cadastro + indicação), uma página de obrigado, Pixel e conversão instalados nas páginas e uma sequência de e-mails após cadastro (no mínimo um e-mail dizendo “obrigado por indicar o fulano, entraremos em contato sobre o bônus”).

 

Ferramentas específicas podem ajudar e eu indico essas 3 de gestão de marketing de indicação (cria página e formulários, regras, página de obrigado, sequência de e-mails…):

 

  • invitebox.com 
  • referralcandy.com 
  • woobox.com 

 

A última é gratuita, dá pra fazer a campanha e botar pra rodar!

 

Se não quiser usar a ferramenta super ultra revolucionária como o papel e caneta, você também pode usar uma planilha para organizar os clientes e indicados.

 

Fiz assim por muito tempo, hoje em dia eu uso um CRM auxiliando nessa gestão.

 

Indicação é isso. Sem muito mistério, eu sempre falo porque é uma verdade. Se deixar de pedir vai perder!

 

Estratégia de Indicação funciona melhor para públicos quentes em Campanhas de Envolvimento ou Conversão.

 

Isso porque você está pedindo envolvimento para o seu público/cliente, você está pedindo basicamente compartilhamentos e marcações.

 

É relacionamento puro!

 

Se você tem um bom relacionamento com os seus clientes eles vão te indicar com certeza! Até mesmo sem pedir, mas se pedir e tiver um sistema de ganha ganha, funciona muito melhor.

 

O PODER DA INDICAÇÃO

 

O melhor de tudo isso é que tu vai gastar pouco ou praticamente nada! No máximo gastar o tempo mandando um direct, fazer um telefonema ou aproveitar o momento durante uma visita.

 

Pode utilizar imagens e vídeos, fazer um post com a legenda explicando os detalhes da oportunidade…

 

Se for fazer vídeo para um público quente (conhecidos): “Oportunidade incrível, você que tá aí, é meu cliente e já conhece o meu serviço! Se você indicar um amigo que fechar um contrato, você ganha X% e o seu amigo ganha Y%“.

 

Algumas empresas que cresceram com Estratégias de Indicação: Uber, Ipod, Dropbox, Tesla…

 

Esse sistema ganha-ganha funciona que é uma maravilha. Ganha quem indica e ganha o indicado.

 

Comece a pensar como será a sua Campanha de Indicação!

 

ESTRATÉGIAS DE RETENÇÃO

Estratégias de Retenção

Falamos de aquisição (novos públicos), falamos de ativação (vender mais para os clientes), falamos de indicação (crescer a sua base com qualidade) e agora vamos falar sobre Estratégias de Retenção.

 

De nada adianta ter 3 clientes novos chegando e perder 5, essa conta não vai fechar!

 

De que adianta alguém entrar nesse artigo, ler o primeiro parágrafo, sair fora e nunca mais consumir o meu conteúdo? Eu tenho que investir em retenção!

 

Se fizer apenas uma live 1 vez no ano vai ficar sem retenção. Agora, se fizer 1 vez por semana durante o ano, sim.

 

Nesse momento estou fazendo lives 3x na semana, sabe por que? Porque eu quero melhorar a minha entrega e com isso a retenção.

 

Quero melhorar o conteúdo com a finalidade de entregar mais pra você, quero melhorar o envolvimento com o público.

 

E como eu melhoro isso? Entregando mais conteúdo de muuuito valor, conteúdo útil. Simples assim!

 

Estratégia de Retenção é conteúdo puro, é conteúdo, conteúdo e mais conteúdo gerando valor e ajudando mesmo depois da compra!

 

Somente com distribuição frequente, constante e de qualidade que você melhora a retenção.

 

E  conteúdo não é sobre dar bom dia, boa tarde e boa noite no stories, ou uma pesquisa no stories, nem sobre botar uma oferta na tua timeline ou fazer uma promoção.

 

É continuar presente e ajudando o teu público. Isso é estratégia de retenção.

 

“Quem não é visto não é lembrado, é quem não é lembrado não é comprado!”

 

Faz tempo que eu comecei com lives semanais, já passei da live 62 no Youtube (toda quarta as 20:00).

 

Sinto gradativamente a minha audiência crescendo, mais engajada e mais participativa. 

 

Quando encontro as pessoas e elas falam coisas do finalzinho da live, e eu fico de cara porque isso quer dizer que a pessoa assistiu até o final uma live com mais de 1 hora, e isso é muito top!

 

Ser presente é muito importante quando se fala de gerar mais valor e continuar ajudando teu público de alguma forma.

 

Acredito que toda quarta feira eu ajudo meu público com algumas dicas ou estratégias de marketing digital.

 

Seja através de um novo conteúdo, um aplicativo uma nova campanha, de alguma forma dentro dessas 2h (é para ser 1h de live porém, eu sempre passo) de conteúdo que eu entrego toda quarta as 20h com certeza ajuda a minha audiência de alguma forma.

 

Isso é gerar valor. Independente se o cara já foi meu cliente, ele tem condições de aproveitar muito do pouco que eu sei sobre Marketing Digital.

 

É isso que você precisa fazer. Continuar ajudando seus clientes principalmente depois da compra!

 

MANTER O CLIENTE ENGAJADO

 

Estratégias de pós-venda é o ouro da retenção e poucos negócios investem em estratégias de pós-venda.

 

Qual foi a última vez que tu comprou alguma coisa que em 7 ou 15 dias depois o vendedor te ligou para ter um feedback ou até mesmo agradecer pela compra, se você ficou satisfeito, se possui alguma dúvida ou mandou um simples WhatsApp vendo se tava tudo ok, se tá com algum problema no uso do produto/serviço?

 

Uma simples ligação no dia do aniversário do teu cliente já pode fazer a diferença!

 

O pós-venda também tem como propósito continuar presente para o cliente e principalmente colher feedbacks para evoluir no processo, melhorar o seu negócio, produto, serviço, oferta.

 

Aconselho no mínimo toda semana fazer uma live, um vídeo, um podcast, artigo no blog, post na rede social ou até mesmo um e-mail para se conectar com o seu público.

 

Se tu tem um público cativo (mesmo pequeno), que te segue, que tá junto contigo tu tem que dar atenção pra ele. Tu vai ter que gerar valor para ele sempre ou vai perder para a concorrência.

 

Podcast pode ser um formato muito bom pra quem fala “ah eu tenho vergonha, não consigo aparecer”. Pode ser uma sacada show de bola!

 

Artigos de blog e posts podem ser semanais assim como e-mail marketing (que tal uma newsletter com as dicas da semana?).

 

Lembrando que conteúdo oferta são coisas diferentes! Aqui ainda é relacionamento, conteúdo e entrega constante. 

 

Exemplo: eu lancei o treinamento, vendi e fechamos a turma. Pronto, agora eu fico em silêncio e deixo de me comunicar mais com os alunos???

 

Não né! Eu continuo falando, gerando valor, porque os alunos vão falar para outras pessoa e amanhã ou depois vão ter mais pessoas querendo entrar na próxima turma. Simples assim!

 

Algumas ações que eu indico pra criar esse relacionamento e melhorar a retenção:

 

  • Grupos no Facebook;
  • Grupos no WhatsApp ou Telegram;
  • Close Friends no Instagram;
  • Lista de Transmissão no WhatsApp; 
  • Lista de Email.

 

Uma outra estratégia muito boa para estimular a retenção é um plano de recorrência/assinatura.

 

A gente tem como exemplos a Netflix, Spotify, assinaturas de vinhos, de livros, comidas, jogos e aplicativos.

 

Um serviço de assinatura recorrente para produtos ou serviços é algo fantástico e pode incrementar muito no seu faturamento.

 

E lembre-se de vender o seu conhecimento! Infoprodutos como cursos e treinamentos online triplicaram as vendas no último ano.

 

Então, se tu tem um conhecimento do teu nicho de negócio, empacotar em vídeos e atividades online para vender esse conhecimento em um sistema de assinatura pode ser uma ótima alternativa para manter o seu cliente engajado e sua receita em alta.

 

ESTRATÉGIAS DE OTIMIZAÇÃO

Estratégias de Otimização

Já falei e repito… Estratégias de Otimização devem ser aplicadas em todas as outras suas estratégias de marketing digital

 

Otimizar o tua estratégia no mínimo uma vez na semana e verificar se tá tudo ok!

 

Verificar a performance do teu site, ver se precisa de alguma coisa, as vezes trocar um botão, mudar a imagem de capa, atualizar o texto.

 

Uma página de venda deve ser testada e otimizada sempre! Título, vídeo, cores, fotos, depoimentos, botão, chamada no botão e vários outros detalhes. Tem que estar sempre de olho, tentando melhorar!

 

Nas redes sociais a mesma coisa, por que a gente tá sempre postando? Porque a gente tá sempre com tempo sobrando e sem nada pra fazer? Não! Na verdade a gente tá testando e otimizando a comunicação com o público.

 

Tem que testar, ver o que funciona. Será que esse post vai funcionar? Será que esse conteúdo vai dar certo?

 

“O ‘será’ é impossível de otimizar, somente o que é feito pode ser otimizado!”

 

Eu to sempre de olho nisso, então consigo otimizar o meu conteúdo e ver o que funcionou para impulsionar e o que não para descartar.

 

Quando entramos no jogo de anúncios no marketing digital, com campanhas online rodando todos os dias, e o seu investimento começa a subir, tu tem que otimizar quase diariamente! 

 

Ou pelo menos a cada 3 dias, dependendo da verba. Se é alta tem que estar de olho o tempo inteiro, especialmente em momentos de lançamento onde a verba é mais pesada.

 

Quando meus clientes estão nessa época eu praticamente fico sem dormir! Olhando o painel, otimizando, criando novos públicos, novos criativos, novos vídeos, novos testes, escalando o que está bom, é uma loucura mesmo.

 

Estratégias de Otimização é rotina, é dia a dia. Tem que aplicar em todas as etapas do teu funil, campanhas, comunicação oferta…

 

Tem que definir no teu cronograma diário o tempo para as ações de otimização.

 

Exemplo: toda segunda feira eu abro painéis de estatísticas das redes sociais dos nossos projetos e clientes e os gerenciadores de anúncios para Analisar, Desenvolver e principalmente otimizar as campanhas dos clientes.

 

O que tá ruim desliga, o que ta melhor escala (coloca mais dinheiro). Testar públicos, posicionamentos, localização, ajustar limites, vídeos, imagens e copy o tempo inteiro.

 

É de lei! É a minha rotina. Assim como toda segunda as 15h tem Live no Facebook, quarta as 20h no Youtube e sexta as 9h no Instagram.

 

Toda quarta feira (além da live) eu tenho uma rotina também de otimização das redes sociais da Coelho Marketing.

 

Isso significa que toda quarta, depois da live, eu vou analisar as métricas da minha rede social para otimizar as minhas estratégias.

 

O que aconteceu na semana? Quais assuntos deram mais certo e o que deu mais errado? O que eu posso melhorar ou testar na próxima semana?

 

Otimizar é sempre, todos os dias e quanto mais melhor!!!

 

Olha quanta coisa a gente conseguiu abordar até aqui! Falei sobre topo, meio e fundo de funil, que na verdade são campanhas com objetivo de apresentação, relacionamento e oferta.

 

Falei das 5 principais estratégias de marketing digital que você deve investir pro seu negócio:

 

  1. Aquisição (público novo);
  2. Ativação (vender novamente para os mesmos clientes);
  3. Indicação (pedir indicações na tua base de clientes e seguidores);
  4. Retenção (fidelizar clientes e audiências);
  5. Otimização (estratégias pra melhorar todas as outras).

 

Se eu coloquei estratégia de aquisição no ar, deixei ela rodando, quero público novo e to botando 10 a 100 reais por dia. Deu 2 ou 3 dias eu tenho que analisar!

 

Como estão as minhas métricas? Ta convertendo? Ta vendendo? Ta alcançando um público bom?

 

Preciso desenvolver novos vídeos, fotos, conteúdos? Sei lá! Você precisa analisar… Depois de analisar, você desenvolve, coloca no ar, faz acontecer e otimiza tudo.

 

E lembre-se: Sempre pode melhorar porém, antes feito que o perfeito não feito.

 

RESUMÃO DAS ESTRATÉGIAS

Resumão das Estratégias

Eu sei que é muita coisa para fazer e vai dar um trabalhão para executar!

 

Confere um resumão que preparei para reforçar alguns pontos importantes desse artigo sobre as 5 principais estratégias de marketing digital para o seu negócio vender mais.

 

# Escolha uma estratégia e comece

Não é mais nem menos! Você viu, apresentei estratégia que é de graça! Basta pegar a mão no telefone, pedir indicação, pegar e fazer uma oferta.

 

Sem nenhuma alta tecnologia, sistemas ou equipes, nada disso. Você pode fazer tudo isso!

 

# Entenda que é um processo demorado

Executar todas essas estratégias de marketing digital vai dar trabalho porém, vai gerar muito resultado.

 

O resultado no digital não vem do dia pra noite (por mais que muita gente acredite nisso) é um processo e ele precisa de tempo para acontecer (6 a 12 meses no mínimo).

 

Se você chegar em uma arquiteta e falar “eu tenho 500 mil reais eu quero construir uma casa até amanhã”. Ela vai te falar que é impossível!

 

Ela precisa entender qual o teu desejo, tua ideia, fazer uma análise do terreno, desenvolver os projetos, resolver as burocracias…

 

E mesmo assim os problemas acontecem no meio do caminho, e tem que voltar a analisar, desenvolver e otimizar.

 

# Antes pouco do que nada

Quando eu falo isso, o que eu quero dizer é: antes 1 dólar de anúncio do que nenhum (mínimo para o Facebook e Instagram por dia/conjunto de campanha).

 

Melhor ter uma lista com 10 clientes e  ligar pra 1 por dia do que ficar sem fazer nada. Então antes pouco do que nada, tenha isso em mente.

 

# Frequência e consistência

São coisas que eu dedico e me esforço, não é a toa que já passei da live 62 no Youtube, isso é consistência. Toda segunda, quarta e sexta, mais de 3 horas de conteúdo toda semana, isso é frequência.

 

Não faça de vez em quando, se comprometa e faça sempre (depois de validar).

 

As pessoas me ligam na intenção de fazer um lançamento, ou uma campanha e falam: “Daniel, eu já to há 20 dias distribuindo conteúdo a cada 2 dias nas redes sociais, o que tu acha disso? Tem como vender o meu negócio?”.

 

Eu dou uma risada interna (pra não chorar) e falo: minha opinião é que tu precisa de mais uns 3 meses!

 

Pra ser excelente precisa ser frequente! 

 

Acredito que você deseja ser excelente e desejando essa excelência você tem que estar frequentemente analisando, desenvolvendo e otimizando.

 

Lembro de um cliente de festa infantil que fez a primeira festa meio desajustado, faltou algumas coisas, demorou mais para montar a festa… Só que a frequência de festas todo final de semana trouxe uma excelência no trabalho deles.

 

Hoje é uma referência no mercado de festa do pijama infantil.

 

# Invista em anúncio todos os dias

Isso aqui se conecta muito com o “antes pouco do que nada”. Investir em anúncio todos os dias é o que vai fazer a diferença no teu negócio.

 

É o que vai garantir que tu alcance novas pessoas, novas oportunidades, que tu apareça pro público certo.

 

Porque eu vejo muita gente reclamando do alcance orgânico, que o Instagram não entrega, Facebook morreu, mimimi e mais mimimi.

 

Só digo uma coisa: aprenda a jogar o jogo deles!

 

Ninguém entrega o teu panfleto de graça. Se tu mandar rodar 1.000 panfletos na gráfica (além de pagar caro) tu ainda vai ter que pagar mais alguém pra ficar na sinaleira entregando distribuindo.

 

Sabia que é possível anunciar numa sinaleira? Oi? Exatamente!

 

É possível fazer um anúncio (micro localizado) rodar para todo mundo que passar na sinaleira que você quiser. Isso é possível. Assim como anunciar dentro do estabelecimento do teu concorrente!

 

Então invista em anúncio todos os dias. Antes que pouco do que nada!

 

E agora que você já conhece as 5 principais estratégias de marketing digital para o seu negócio vender e sabe que é um caminho longo e complicado porém, necessário.

 

Conheça o Treinamento Marketing AO VIVO e aplique o mesmo método que eu utilizo com todos os meu projetos de sucesso e aprenda como:

 

  • Analisar o seu negócio, oferta e mercado;
  • Desenvolver uma comunicação que irá conectar com o teu público;
  • Otimizar as estratégias e ações para gerar mais resultados;
  • Colocar no ar campanhas online de alcance, envolvimento e conversão nas principais redes sociais.

 

Além do treinamento online você terá suporte de configuração das contas de anúncio, acesso a biblioteca com todas as lives exclusivas do treinamento e mais conteúdos extras.

 

Acesse agora o link do Treinamento Marketing AO VIVO e aprenda em 45 dias como alcançar, envolver e converter 3x ou mais oportunidades para o seu negócio.

 

lives